DREAM 440

estou me relacionando afetivamente com uma pessoa, trocamos carinhos. essa pessoa é branca, talvez loira. estranho esse fato. de repente ela se transforma na minha companheire, agora estou em uma grande cachoeira! sinto o meu respeito as divindades das águas doce, principalmente a oxum. há um estranhamento pois, existem uma fila a minha esquerda, uma longa fila. onde pessoas diferentes entre si esperam para poder entrar na cachoeira. há uma pessoa logo na boca da cachoeira permitindo a passagem. parece uma fila espiritual. pessoas mortas. lembro de pensar isso. e lembro de pensar que gostaria que aquelas pessoas viessem comigo. pois fui caminhando para direita e sentado na beira da cachoeira. coloco meus pés na água doce, gélida. é um prazer imenso! sigo afetada como se ainda olhasse para as pessoas. elas conversavam entre elas. a cachoeira é grande. mas não vejo a queda d’água. agora estou em um outro lugar próximo dali. alguém me mostra algo. em um campo aberto brota uma casa semelhante a casa da praia de meus bizavós. com uma varandinha. a casa desaparece. eu já não estou mais em nenhum lugar.

Fernanda Campanella Carlet

Porto Alegre

Brasil

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s