DREAM 439

Sonhei que fui com amigos no cinema. Houve um ataque sonoro, mas não do filme. Algo externo, como uma bomba sonora. A gente se estrebuchava no chão. Não era algo que entrava somente pelos ouvidos, uma coisa estranha mesmo. O som se propagava dentro das pessoas. Algo como se fosse ultrassom, uma técnica de pesca predatória em alto mar. Esteticamente como o exterminador do futuro.

Almirante Tamandaré

Brasil

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s