DREAM 244

Eu estava na varanda da casa que morei com a família na adolescência, veio pelo ar um corona vírus grande e preto do tamanho da minha mão. Eu, com muito medo, bati nele, para que não chegasse perto de mim. Ele se desmanchou em milhares de gotículas. Eu tive que prender a respiração e entrar dentro de casa. Ao entrar, chorei muito muito. Eu não devia ter batido nele! Eu devia ter pego e guardado… Eu poderia deixá-lo inteiro que ninguém iria respirá-lo.

Suely Farhi

Rio de Janeiro

Brasil

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s