DREAM 205

sonho 7.4.2020. o nome que eu gritava não o teu. não me lembro bem do começo. nos encontramos em algum lugar de são paulo, próximo à vila mariana ou paraiso, talvez. combinamos ir a algum lugar, que não me lembro qual. pegamos um trem super high tech, como um monotrilho, que descia lá do metrô santa cruz por alguma daquelas ruas. talvez a sena madureira. talvez a borges lagoa. era muito alto e moderno. tinha um clima meio psicodélico-lisérgico e umas pessoas meio drogadas dentro. no fim ele desceu como um tobogã e chegamos na estação final. era um estação de trem muito velha, como a estação antiga de paranapiacaba, e ficava na beira de um lago ou um rio. e dava direto para um parque. mistura de ibirapuera com um parque de diversões. saímos e começamos a caminhar meio sem rumo. estava cheio. muitos jovens. muitos brinquedos funcionando… em algum momento te perdi. saí te procurando desesperadamente, gritando e andando para cima e para baixo no parque. estávamos em plena epidemia de corona vírus, mas não tinha ninguém de máscaras. eu comecei a perceber que estava com uma forte tosse e respirando com muita dificuldade. coloquei um pano no meu rosto e continuei desesperadamente andando e gritando teu nome. e, de algum modo que não lembro o qual, acabou. o nome que eu gritava não era o teu.

Sebastião oliveira neto

São Paulo

Brasil

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s